sexta-feira, dezembro 23, 2005

Não há perú que não tenha o seu NATAL

Bom,estamos em època natalicia ou seja de paz e amor.
O meu amigo Jormed não me deixa pelo menos em paz,já que em amor fasso o que posso.
Reuniões,estou a começar a ficar farto(até aos cabelos)de pseudo reuniões de trabalho para iniciar a nova época competição.
1.A minha vertente predilecta nas bicicletas (lamento) é e não vai deixar de ser o Cross Country.
2.Tanto eu como o Jorge gostamos de bicicletas (ele mais,claro) .
3.A paciência das pessoas teem limites, e principalmente a minha está já muitissimo gasta,para não dizer que já está nos limites.
4.A explicação para os três pontos anteriores é por favor antes de começarmos já estão a "complicar"as coisas o que não convem de maneira nenhuma.
Comprometer-me com o meu amigo Jormed nesta "aventura 2006" é quase uma missão impossivel,desafios eu nunca tive medo,mas há uma coisa que eu não gosto e não sou obrigado aturar que são "as desconfianças".
Para quem não sabe a minha ordem de prioridade no desporto com rodas é a seguinte,automóveis,motos,bicicletas.
Projectos para que fui convidado englobem as três anteriores modalidades.
Projectos que estou mui tentado a abraçar,fico-me pelas motos.
Não quero ser radical mas infelizmente uma das minhas mais tenebrosas facetas é ser radical no sentido de "ACABAR" seja lá com o que for que me traga chatices.
Escolhi este site porque é o mais apropriado para falar convosco,ciclistas,directores de equipes,etc....
O meu tempo livre não suporta (nem por sombras) agradar a todos ou seja a todas as vertentes...X.C....D.H...Estrada...por isso vamos ter que fazer opções.
Soluções....é necessário que apareça gente (COM TEMPO E VONTADE) para trabalhar e para juntar-se a nós no NC para que se consiga ultrapassar inumeros problemas que surgem todos os dias.
Aguardo com curiosidade as vossas missivas,reconheço a vossa a posição(precisam de trabalhar,treinar,dormir,etc...) o problema é que nós tambem.
É URGENTE avançarem para nos ajudar,isto não é um jogo é uma realidade aonde normalmente os meios humanos escasseiam "e quem paga é sempre os mesmos".
Não desanimem porque nada é impossivel e só para a morte é que não há remédio.
Cuidado com as calorias este Natal,pedalem com vontade,não deixem de curtir aquilo que mais gostam.

4 comentários:

Ludovic disse...

Antes de mais, um mto bom Natal para o Sºr Luis, familia e amigos.
Penso q este post veio a gelar um pouco o Natal, aqui do ppl q por aqui anda. Mas se calhar, mais vale prevenir, q tar a contar c/ o ovo... e depois na estar lá nada.
Dá-me pena a eventualidade de poder NÃO existir nada em 2006, até pq só entrei ainda em 2 provas c/ o seu "dedo" (Vila Franca - Estrada e Gorreana - BTT), e posso dizer q gostei mto, mesmo bastante. Para mim, dou nota máxima à organização. A meu ver, o q faz falta ao ciclismo(qq vertente) são pessoas como o Luis Carreiro q qdo fazem, dá gosto participar.
Para as pessoas q metem "minhocas" na cabeça de outras, só posso dizer q o ciclismo as despensa, pq por terem existido pessoas destas no ciclismo, em organizações passadas, a rodear organizações de provas, é q estamos no estado q estamos hoje: Sem NADA! Estamos suspensos numa corda de boa vontade e disponibilidade do Sºr Luis Carreiro com a equipa de trabalho dele, e nada.
Axo q deviam deixar trabalhar quem quer trabalhar. Cada entidade deve fazer aquilo q lhe compete, e se for possivel ajudar as outras: Organização faz as provas, para os clubes apoiarem os seus atletas, e estes correrem...Axo q até pode ser simples...ou não. Vamos a ver como vai ser ...ou não.
Seja como for, quer avance ou n, Um mto Obrigado pelo empenho q tem tido, em conjunto c/ Jormed para montar uma esrutura organizativa para podermos ter de novo competição
em S.Miguel/Açores.
Abraço, Bom Natal, fico a aguardar o toque para irmos estrear a sua máquina de BTT para as canadas, c/ os Sunday Sleep... claro q só ao sábado à tarde....pq ao domingo...é mto cedo. Agora pegou de moda as prevenções...reuniões de romeiros...as doenças...os portões de garagem q n abrem... a familia tá cá...as sacas de nevoeiro q são pedro mete na rua...etc lol...para breve...O NATAL!!!!!!

BOM NATAL, e BOAS PEDALADAS

Ricardo disse...

Só queria deixar aqui uma palavra de incentivo e de apoio ao sr Luis Carreiro. Epa o nosso espirito nas provas tem sido do melhor que eu já vi, tenho muita pena que haja pessoas que venham tentar estragar o que se anda a fazer de bom para ressuscitar o ciclismo em Sao miguel. Espero que continue conosco Sr Luis e um bom natal para si e para os seus!

Clife disse...

Subscrevo os coments anteriores.

Acrescento só:

Um Feliz Natal

jormed disse...

Apesar de fazer este comentário com uns dias de atraso, não posso de partilhar algum sentimento de desilusão e desapontamento relativamente a algumas pessoas que se dizem amantes desta modalidade.
Eu ando nesta coisa das bicicletas por 3 motivos: gosto, gosto e gosto. Julgo que alguns de vocês partilham comigo pelo menos um dos motivos que mencionei.
Mas infelizmente nem todos andam por aqui pelas mesmas razões. Ainda nem sequer temos as coisas definidas, nem sabemos se vamos conseguir apoios, estamos a trabalhar para por de pé algo que a União Velocipédica ainda não concretizou (as taças de São Miguel), mas já estão a acusar o NC de estar a tentar manipular os cordelinhos de forma a ser ele a receber os "virtuais" apoios em detrimento da União Velocipédica e dos outros clubes envolvidos. É preciso ter lata para andar a fazer estas afirmações, para mais vindas de um elemento da actual União Velocipédica, que é o Sr. Carlos Cabral, segundo palavras do Sr. Carlos Melo do Núcleo Sportinguista. Digo os nomes porque é preciso deixar tudo bem claro.
Nesta fase só vejo o NC e os atletas a investir do seu bolso, tudo porque gostam deste desporto, mas existem mentes luminosas que já pensam no que vai acontecer aos lucros...
São as "desconfianças" que o Sr. Luís menciona.
Peço ao Sr. Luís que ignore pura e simplesmente. Os assuntos têm a importância que nós queremos dar e neste caso é nenhuma.

O Sr. Luís é a peça chave para por de pé o calendário do próximo ano, porque não reconheço capacidade noutra pessoa para organizar eventos com o rigor que se impõe em provas oficiais. Temos de fazer com que as nossas provas deixem de ser umas corridas de fim-de-semana de um (bom) grupo de amigos e dar-lhe seriedade.

CONTAMOS TODOS CONSIGO porque apesar de sabermos que gosta mais das coisas que têm motor e poluem o ambiente, também está a ser infectado pelo vírus dos sem motor, a julgar pelos posts que lançou mais recentemente.